Notas rápidas

16/10/2014 | Sem Comentários

IMG-20141015-WA0003

Se de dia a gente briga…

Ontem, no ato político da candidatura de Aécio Neves, em São Luís, o que mais chamou atenção o chamego da deputada estadual Eliziane Gama com o tucano João Castelo. Os dois não desgrudaram por um segundo. Entre cumprimentos, cochichos e abraços, a irmã e o ex-prefeito da capital trocavam impressões sobre a gestão Edivaldo Holanda Junior e as eleições de 2016.

Pé no freio

Pouco antes do evento, Eliziane Gama reuniu-se com aliados para discutir a candidatura de prefeita de São Luís. Foi aconselhada a se dedicar primeiro ao mandato de deputada federal, que ainda nem começou.

Navalhada I

Nem Roberto Rocha, nem Tasso Jereissati, nem Carlos Brandão, muito menos Eliziane Gama… A presença mais festejada no evento tucano era a de José Reinaldo Tavares.

Navalhada II

Exímio articulador político, o ex-governador não perdeu tempo e deu ali mesmo o primeiro passo para a aproximação dos deputados estaduais César Pires, Antônio Pereira e Léo Cunha com o futuro governo de Flávio Dino.

A volta dos que não foram

Uma das aecistas mais empolgadas era a ex-apresentadora Sirlan Souza.

IMG-20141015-WA0002

Reação

Aliados de Dilma no Maranhão prometem uma “onda vermelha” na próxima sexta-feira em São Luís, com a presença do mensaleiro Ricardo Berzoini e do senador eleito pelo PCdoB, Inácio Arruda.

Nem tão oposição

Os deputados estaduais Roberto Costa e Max Barros não demostram tanta convicção em relação ao papel que devem exercer na Assembleia Legislativa do Maranhão a partir do ano que vem. Já Stênio Rezende, Rigo Telles e Graça Paz não ficarão um dia sequer na oposição ao próximo governo.

Oposição?

Restará aos filhos, netos e genros do clã Sarney o comando da base parlamentar de oposição a Flávio Dino: Adriano Sarney, Andréa Murad, Edilázio Junior e Sousa Neto. Os dois primeiros responderão a processos de cassação no Tribunal Regional Eleitoral por Abuso de Poder Político e Econômico.

Enquanto isso em Ribamar

Ao contrário do que informa o jornalista Gilberto Léda, não existe sequer a possibilidade de reconciliação entre o presidente do Tribunal de Contas do Estado, Edimar Cutrim, e a governadora Roseana Sarney. Fontes ribamarenses afirmam que o todo-poderoso conselheiro não engoliu os desaforos da família Sarney e promete responder à altura. Te cuida, Ricardo Murad!

Só?

As mesmas fontes ribamarenses informam que o prefeito Gil Cutrim pressionou para ficar com o comando da Empresa Maranhense de Administração Portuária.

Na fila do Sine

E continuam os cortes de pessoal no Sistema Mirante de Comunicação. Ontem o radialista André Martins, com dez anos de casa, informou que deixaria o comando do programa “Acorda Maranhão”. O Diretor de Mídias Sociais, Rômulo Barbosa, deve ser o próximo a ser demitido.

Vacas magras I

Segundo um famoso radialista da Mirante AM, o empresário Fernando Sarney quer trabalhar com a folha no mínimo, se readequando logo aos tempos vindouros, sem os aportes milionários do governo estadual nos cofres da empresa.

Vacas magras II

Acabou o regime de exclusividade. Com o corte de pessoal e equipes reduzidas, os jornalistas, radialista e blogueiros devem bater ponto no jornal, televisão, rádio e internet. Sem privilégios ou reajustes salariais.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Tv WhatsApp - Todos os direitos reservado i9bem©